De Cadeira de Rodas até Bruxelas

22-05-2010 se tudo correr bem até lá, sairei da Praça da Republica de Viana do Castelo por volta das 8:00 horas AM. É assim que José Lima comunica no seu site, mais esta aventura.

Informo também que no dia 24-05-2010 sairei às 8:30 AM do parque de Campismo de "Orbitur S. Jacinto" em Aveiro, e seguirei em direcção ao complexo Industrial da Sportis, situado na Zona Industrial da Mota - Armazém B, Lote 3, Rua 5 - 3830 Ílhavo Portugal, para fazer um protesto, e pedir uma explicação aos representantes da referida empresa, que organizam os eventos de Bike Tour, no Porto e em Lisboa.

Sucede que a Sportis discrimina os deficientes, impedindo-os por razões mesquinhas de participarem nos referidos eventos do Bike Tour.
Em Lisboa participam cerca de 8.000 pessoas não deficientes e no Porto umas 7.000, e a taxa de deficientes que a Sportis apenas permite que participem, não chega aos 0,005% do total de outros participantes, um rácio muito inferior ao dos 7 a 8% dos deficientes na sociedade Portuguesa.

A viagem de handcycling por 10 países Europeus, com percurso de 8.000 quilómetros, tem inicio na data de 22/05/2010. Veja o mapa do percurso!

Portugal, Espanha, França, Suíça, Áustria, República Checa, Alemanha, Luxemburgo, Holanda, e Bélgica, são os países que visitarei durante um desafio muito particular; pois é um desafio da minha mente, ao meu físico!

Objectivos da viagem:

1 - Demonstrar como é possível reduzir a nossa pegada ecológica, utilizando por exemplo as bicicletas e as handbikes.
Seguindo o lema "Se ele pode, também eu posso!" .
2 - Criar um organismo que una os diversos clubes de ciclismo europeus, para dar mais força à modalidade e promover a troca de provas em cada país associado a nível privado.
3 - Promover e criar uma cooperativa para a fabricação de handbikes e afins, que facilitem o ciclismo adaptado (handcycling), a preços justos e acessíveis para os sócios.
4 - Reunir material para a edição de um livro que divulgue as diversas realidades, comparando a qualidade de vida dos deficientes de cada um dos países visitados. Ajude-me a realizar este sonho!
5 - Entregar em Bruxelas ao presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, uma carta que apontará as dificuldades encontradas nos 10 países visitados ao nível das acessibilidades, mas também uma chamada de atenção para outros problemas que afectam os deficientes da UE

CONHEÇA O CLUBE VPCR:

Somos um grupo com problemas de locomoção, e circulamos em cadeiras de rodas: Paraplégia, Paramiloidose, Poliomielite, etc. Somos Diferentes e Activos, e criamos em Viana do Castelo o clube VPCR (Volta a Portugal em Cadeira de Rodas) para a pratica de ciclismo adaptado.

Os Objectivos do Clube VPCR são responsabilizar a sociedade civil na promoção de estratégias para uma integração efectiva dos deficientes Portugueses e contribuir de forma positiva para a quebra de tabus associados à deficiência. Incentivar à reflexão da sociedade sobre a nossa realidade, contribuindo assim para a redução do estigma, da discriminação e da marginalização das pessoas com deficiências, através do desporto adaptado, criando para o efeito a modalidade de ciclismo adaptado em Handbike em Portugal.

Procuramos deficientes motores, com uma vontade férrea de vencer, que acreditem que podem chegar um dia aos Paralímpicos e que queiram ser os pioneiros da modalidade de Handbiking no nosso país.

Comentários

  1. Através da Susana passo a seguir-te e conhecer teu espaço.
    Temos um canto que está se formando também.
    Chama-se http://in-percepcoes.blogspot.com
    Venha fazer parte dele.
    Abraço

    ResponderEliminar
  2. E eu já estou convosco também.
    Tenho a certeza que vai ser uma mais valia.
    Gostei do intercâmbio (Portugal/Brasil).
    Susana tem uma sensibilidade muito bonita.
    Boa sorte.
    Fique bem.

    ResponderEliminar
  3. Parabéns pela iniciativa do José Lima!!
    Tem que ser muito valente e determinado para fazer um percurso de 8.000 quilômetros de handcycling, com um objetivo tão nobre.

    Abraços, Eduardo!

    ResponderEliminar
  4. Lembras-te que te tinha falado de uma maratona idêntica à que teus compatriotas estão a fazer em direcção a Brasilia? Foi a deste rapaz.

    E parece que esteve debilitado nos últimos meses...
    Espero que consiga seus objectivos.
    Fica bem.

    ResponderEliminar
  5. Lembro, Eduardo...
    Que pena, espero que ele fique bom logo.

    Abraços!

    ResponderEliminar
  6. Também eu Vera!
    Hoje por telefone estive a falar com um amigo dele (são do norte)e diz-me que está muito bem fisicamente.
    Ainda bem.

    Fica bem.

    ResponderEliminar
  7. Afinal José Lima já não fará a viagem.
    Teve um problema na sua handcycling que o impede de começar a aventura programada.

    ResponderEliminar
  8. Kátia (centro de vida independente de Belo Horizonte - CVI-BH Brasil)

    achei sensacional e dígno de muita divulgação e aqui no Brasil torcendo para chegar ao final da empreitada. BOA SORTE e a torcida aqui calorosa de todos do CVI-BH (http://vidaindependentebh.blogspot.com)

    ResponderEliminar

Enviar um comentário